Anônimos & Celebridades Utilidades & Futilidades / De Tudo um Pouco & Um Pouco de Tudo

sábado, 2 de abril de 2011

About... Um Filme na memória parte 2 : Pixote- a lei do mais fraco

Toda semana posto um ou dois comentários sobre filmes que gostei , mas
a escolha como já disse é difícil , mas no domingo passado me veio uma
luz (rs,rs,rs) . Estava no teatro Leblon , no Rio de Janeiro quando me deparei
com a atriz e "ex-casa dos artistas " Barbara Paz , ao lado dela seu atual marido
Hector Babenco , aí me veio "Pixote- a lei do mais fraco "...
Era um dos filmes que eu mais queria assistir e só tive a oportunidade hà alguns
anos atrás , agora penso como eu pude demorar tanto para assistir a esse filme
duro , cruel às vezes, mas com uma sensibilidade rara para os filmes brasileiros
da época (1981) , recheada de pornochanchadas .
Hector Babenco um argentino foi quem dirigiu a história de Pixote , uma criança de
rua que cresce entre a violência , a miséria numa vida sem total perspectiva .
O filme é cru em suas cenas como um documentário , os garotos que participaram
não eram atores e praticamente interpretavam a sí mesmos ...
Pixote vai parar num reformatório , passa por maus bocados no lugar , foge
com seus novos "amigos , trafica drogas , passando por situações limites .

O garoto Fernando Ramos da Silva que interpreta Pixote , foi descoberto
por Babenco numa favela de São Paulo e é visível que para ele tudo aquilo
à sua volta parecia bem familiar


   
O elenco é brilhante com os já falecidos Jardel Filho e Rubens de Falco e ainda
Beatriz Segall , Toni Tornado e Elke Maravilha ... mas é Marília Pêra quem rouba
as cenas como a prostituta Suelí que acaba virando uma espécie de "amante" do
garoto .
Sua atuação foi elogiadíssima por onde o filme passou , fora do país principalmente
e realmente Marília está estupenda .

Há duas cenas para mim , lindas , uma delas vou postar aqui ...
A outra traz o garoto e Marília Pêra num momento de cortar o coração , quando
o Pixote vê Sueli não como uma amante mas como a mãe que nunca teve...
SIMPLESMENTE  LINDA ...
Bem dá pra pereber que "babo" por esse filme e não é para menos , pra quem  já viu
que reveja várias e vária vezes , caso contrário  corra e não faça como eu
que demorei anos para vê-lo.



Há uma nota bem triste sobre o filme , depois do sucesso do filme , Fernando
tentou a carreira de ator , sem sucesso , voltou para a vida de miséria , caiu no
mundo do crime e foi assassinado , história  essa contada em um filme anos depois
chamado "Quem matou Pixote ?"( filme bom ).
Esse Post pra min foi muito especial ... essa semana vou rever "Pixote- a lei do mais fraco"

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Eu vi esse filme uma vez, sempre fico acordado até altas horas da madrugada e é sempre na madrugada que passa filmes ótimos na tv aberta e teve um dia que tive a felicidade de ver esse filme maravilhoso, mas não sabia a real história fiquei sabendo aqui no seu blog. Eu não sou muito fã da música nacional mas os filmes nacionais são incriveis, e esse filme retrata muito bem a realidade do nosso país de uma forma que faz você não querer perder um segundo, assisti, adorei e recomendo também

    ResponderExcluir